domingo, 29 de abril de 2012

FOZ DO IGUAÇU é um lugar MÁGICO

Tirei essas fotos em Foz do Iguaçu, em um TEMPLO BUDÍSTA bem perto da cidade, incrivelmente lindo e Mágico.

Mestre KUAN YIN foto de Sandra UGA

Templo Budista de Foz


Ao fundo o centro da cidade de Foz















Depois eu posto as outras nas Cataratas...igualmente lindas. Aguardem
SandraUGA

Compartilhando do meu FACEBOOK


 Momento de Criatividade


Contribição da amiga Beatriz Ridel e






sábado, 28 de abril de 2012

CRIAÇÃO X CRIANÇA

A deficiência na EDUCAÇÃO VEM DE BERÇO.

Postado por Sandra UGA em 28/Abril/2012.
 Este é realmente um assunto empolgante e de extrema importância. Sabemos que alguma coisa anda errado na educação dada pelos pais e nas escolas também, diariamente vemos estarrecidos crianças se vingando de não se sabe o que, mas que mostram a deficiencia dessa educação que nem pais nem escola conseguem se entender.
Acredito na Integração Pais e Mestres, educando, ensinando, dando o exemplo e principalmente criando condições para que TODOS JUNTOS possam se conhecer melhor, porque a maioria dos pais não sabem como criar seus filhos e eles mesmos não tiveram nenhuma estrutura para tal empreendimento. Se faz oportuno que a ESCOLA oriente os pais para que eles possam com mais segurança ajudar seus filhos na formação e no comportamento deles. É melhor na Escola do que se refugiar nas Religiões, explicando melhor, a RELIGIOSIDADE é de fundamental importancia para a formação de um adulto consciente e para ser mais específica fica aqui uma sugestão para as Escolas incorporarem em seus currículos ou mesmo o MEC estabelecer a prioridade de se ensinar principalmente para os adolescentes MEDITAÇÃO, YOGA, NOÇÕES BÁSICAS DE ASTROLOGIA, ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL, o Estudo das principais religiões do mundo, para que a criança possa discernir sobre o que é fé, fanatismo religioso ou mesmo ter um entendimento sobre o que é SAGRADO, a Escola precisa se adaptar assumindo este lado de provedor dos saberes formando pessoas dignas e conscientes de seus Valores.

   Há sim uma discrepância entre formação intelectual e formação ética, moral e desprovida de Valores essenciais para se sociabilizar e se integrar num contexto bem maior, abrangendo a natureza e o meio ambiente. A educação precisa formar cidadãos mais integrados com todos os meios dignos de sobrevivência, estimular o comprometimento em relação aos princípios existenciais de todo o Planeta, permitindo a viabilidade de procedimentos que beneficiem a maior parte da população sem transgredir os limites naturais, o crescimento populacional reforça uma postura consumista e de desrespeito ao meio ambiente, provocando consequentemente a destruição e a crescente desumanidade contra a natureza.
A CRIANÇA precisa entender desde cedo que o respeito deve ser recíproco entre as pessoas sem distinção incluindo animais e natureza.

Amar nossos filhos e netos é saber reconhecer nossa impotencialidade( inventei essa palavra) sobre o melhor método de criação. É preciso nos entendermos e no processo de AUTOCONHECIMENTO, investir no outro como aprimoramento e neste conceito novo de COMPARTILHAR vamos CONSTRUINDO um novo SER e principalmente um verdadeiro CIDADÃO, Cuidador, Consciente de seus VALORES como SER DIVINO E SAGRADO.
Escutar SIM os filhos, para que eles possam desenvolver desde pequenos suas próprias opiniões sobre os assuntos. É preciso se expressar em palavras ou de outras formas não tão usuais, mas que podem estar “Falando alto” na música, nos desenhos, na moda, no trato com o corpo e até mesmo no comportamento com os outros. Procurar entender o que a criança quer dizer é importante para mantermos um diálogo e não um monólogo com nossos filhos.
A criança deve ser ORIENTADA, mas não OBRIGADA a fazer nada, principalmente com relação à sua vestimenta, comida, lazer. Em muitos casos precisamos intervir quando se põe em risco a integridade da criança, mas em geral, deixar que a criança tome atitudes é importante para seu desenvolvimento psicossomático.  





Chamar à atenção, sempre que houver necessidade, hoje em dia repreender a criança com “tapinhas ou agressividade” é proibido por lei, então se faz preciso “CHAMAR à ATENÇÃO” com FIRMEZA, mas respeitando a integridade física e psicológica do menor. Existe certa coerência e bom senso neste NOVO modelo disciplinar, acredita-se que a criança não precisa ser coagida pelo pavor nem o medo mediante a agressão voltada para ela, que consequentemente deixará traumas gerando complexos que seguirá o resto de suas vidas. Pensando bem eu mesma nunca apanhei, minha mãe tinha a mania de me dar beliscões quando eu fazia algo errado (para ela) e criei meus filhos sem precisar bater neles, mas quando chamava a atenção era bem brava e me lembro que puxei os cabelos da minha filha algumas vezes, não sei bem se adiantou, mas acho mesmo que precisamos arrumar outra forma de educarmos nossos filhos sem precisar usar de força física, mas sermos FIRMES quando se fizer necessário. Por tanto educar é uma via de mão dupla, aprendemos muito também com nossos filhos e se faz preciso intensificar este relacionamento com BASTANTE EDUCAÇÃO DE VALORES TANTO PARA OS PAIS como para os FILHOS que estão ávidos para aprender.     Ensinar sem subjugar, sem colocar medos, sem imposições, mas acolher visando um entendimento que transcenda o aspecto físico e intelectual, mas que abranja a plenitude de SER HUMANO e a responsabilidade de sermos CUIDADORES E FACILITADORES deste processo tão complicado que É CRIARMOS CIDADÃOS PARA O MUNDO.
Sandra UGA

sexta-feira, 27 de abril de 2012

quinta-feira, 26 de abril de 2012

CÓDIGO DA VERGONHA NACIONAL





Depois de anos tramitando no Congresso Nacional, deputados aprovam com louvor novo texto que modifica principal lei florestal do Brasil. O texto mais brando do Senado foi rejeitado por 274 deputados, enquanto a seu favor votaram 184.

Isso significa que foi aprovado o relatório Piau, que flexibiliza ainda mais o Código Florestal.

Entenda o “sim” e o “não”A votação teve uma pegadinha. Os deputados que votaram “sim” desejavam a manutenção do texto aprovado pelo Senado , apoiado pelo governo e que garantia faixas mínimas de proteção e recomposição florestal. Os deputados que votaram “não” votaram pelo relatório do deputado Paulo Piau , que anulou essas obrigações. Ganharam por 90 votos e reformaram a principal lei florestal brasileira.

Atualizado em 26/04, às 12h03



Resultado da votação
Sim:184
Não:274
Abstenção:2
Total da Votação:460
Art. 17:1
Total Quorum:461

quarta-feira, 25 de abril de 2012

A CONQUISTA DE SI MESMO.

Inspirado nas lindas mensagens que recebo da amiga de Face
"A conquista de si mesmo está ao alcance do querer para ser,
do esforçar-se para triunfar, do viver para jamais morrer..."

Joanna De Ângelis



Postado por Sandra UGA em 25/04/2012
Todo mundo tem dentro de si seus valores, por isso que existe uma variedade infinita de personalidades, caráter e uma pessoa não é igual à outra podendo muitas vezes defender os mesmos objetivos, seguir tal e qual àquela pessoa, em seu estilo, moda, costumes, mas cada pessoa tem seu próprio jeito de ser e conforme vamos acrescentando fatos, valores, descobrindo talentos latentes que aos poucos conforme as experiências vão colaborando para dar acabamento a nossa personalidade vamos moldando nossas emoções e em muitos casos quando agimos com consciência, pode-se dizer que procuramos nos ajustar, nos moldar aos padrões das pessoas de bem, mas com o tempo a vida lhe prega uma peça ou te obriga a mostrar o que realmente aprendemos e como é mais fácil aprender o que não presta quase que uma multidão de indivíduos pactua de determinadas atitudes contraproducentes e se veem fazendo coisas que outro tanto de gente chama de erradas.
Certo ou errado, eis a questão! Se não temos CONSCIENCIAS PLENAS, envolvidas na integração dos seres humanos, animais e natureza TUDO fica mais difícil, sem esquecer que somos antes de tudo seres espirituais fazendo uso do mundo material para experimentarmos a vida evoluindo sempre para condições cada vez mais elevadas e dignas.
Retroceder jamais! Podemos ficar parados “Na Linha do Tempo”, mas nunca regredimos, cada experiência é um somatório que complementa e agrega valores à nossas vidas.  


É fato que existem vários caminhos para serem trilhados e nesta caminhada rumo ao aprimoramento e a evolução propriamente dita encontramos inúmeros obstáculos para exercitarmos nossa dignidade, honestidade, solidariedade, bondade ... ou mesmo nossa persistência, paciência, amorosidade... ou mesmo nossa maldade, crueldade, insensatez...
                Quem disse que querer ser bom é fácil?!. É preciso muita determinação, perseverança e altruísmo, mas quando conseguimos passar das fases necessárias que permitem CONTROLARMOS NOSSAS VIDAS, sem que os acontecimentos diários nos tirem do EIXO e sem perder o FOCO de nossas METAS, desenvolvendo uma ESPÉCIE DE ANTÍDOTO contra TUDO que não pertença aos PROPÓSITOS DE NOSSO EU SUPERIOR, assim estaremos IMÚNES AO MAL, O MUNDO PODE ACABAR e conseguimos PERMANECER CENTRADOS, confiantes na LUCIDEZ, abastecidos na SABEDORIA, NO ENTENDIMENTO DE TODO ESSE CONTEXTO QUE EXTRAPOLA EM MUITOS CASOS A NOSSA VÃ FILOSOFIA.
Alcançar o CONTROLE DE NOSSA PRÓPRIA VIDA É VERDADEIRAMENTE GRATIFICANTE E ESTIMULANTE. Quando abrimos as portas, quando permitimos que o transcendental a Luz em sua amplitude numa visão mais ampla dos acontecimentos e principalmente quando não deixamos nosso PODER PESSOAL NAS MÃOS DE NINGUÉM, mas TEMOS O CONTROLE DE NOSSOS SENTIMENTOS E EMOÇÕES EM NOSSAS PRÓPRIAS MÃOS, AÍ SIM, ALCANÇAMOS A EVOLUÇÃO QUE PRECISAMOS PARA PERCORRER O CAMINHO NECESSÁRIO PARA NOSSA SOBREVIVENCIA E PERMANENCIA NESTE PLANO DE VIDA , sem nos tornarmos marionetes do destino, mesmo porque, quando temos a convicção de estarmos no caminho certo, o qual nosso Eu Superior se apraz, TUDO AO NOSSO REDOR CONSPIRA A NOSSO FAVOR, desta feita estamos contribuindo para uma evolução digna em todos os sentidos, mesmo que tenhamos contratempos, nada é capaz de tirar A PAZ INTERIOR que tanto precisamos para conhecermos um outro lado ou melhor para sairmos da matrix  que estabeleceram para nos subjugarmos e ficarmos nas garras do medo e da ignorância.
ACORDE, ABRA AS PORTAS E CONTROLE SUAS EMOÇÕES!!
Sandra UGA





OS SIGNOS DAS MÃES

contribuição: Signos do zodíaco traçam perfil das mães; confira
Conheça o perfil das mães de acordo com o signo do zodíaco. Foto: Shutterstock/Terra Conheça o perfil das mães de acordo com o signo do zodíaco
Foto: Shutterstock/Terra
Os signos solares são uma orientação astrológica baseada na posição unicamente do Sol no Zodíaco no momento do nascimento. Assim, é possível ter uma visão geral de comportamentos de acordo com o signo da pessoa. O astrólogo Maurice Jacoel traçou o perfil da mãe de cada signo. Confira e saiba entender um pouco o perfil da sua mãe.

A mãe do signo de ÁriesO comportamento materno vai enfatizar a atividade física dos filhos. A independência e a capacidade de tomar decisões por si próprias. É a mãe que estimula os filhos a serem guiados pelo instinto pela capacidade de decisão. Os conflitos e autoridade com os filhos são a energia motora e intensa que promove a liberdade e independência das suas crianças. Pelo seu exemplo ensina aos filhos a agir com vontade, energia e criatividade com relação à vida.

A mãe do signo de TouroAs mães taurinas estão com toda a força característica do ser mãe. Seu comportamento é moldado pelo desejo de nutrir, de cuidar, de alimentar, tocar e acarinhar seus filhos. São Mães extremamente orgulhosas e devotadas aos filhos. Ciumentas e possessivas podem no extremo se tornarem supermães sufocando e impedindo seus filhos de crescerem, com independência e liberdade. Pelo seu exemplo transmitem aos filhos a força do trabalho constante e dedicado, da economia e dos prazeres sensoriais da vida e da boa alimentação.

A mãe do signo de GêmeosMães amigas, comunicadoras, joviais. São as mães que sempre enfatizam o valor da amizade, do prazer das viagens, da importância da informação e do conhecimento. Educam seus filhos valorizando as amizades e sempre recebendo os amiguinhos em suas casas, adoram festas e viagens; e seu exemplo transmite aos filhos a leveza da vida, a importância da jovialidade e a inspiração da palavra e do diálogo.

A mãe do signo de CâncerMães apegadas, desejam recriar a família extensa; onde filhos, noras e genros possam morar e viver sempre próximos ou juntos. Dedicadas à família e a valores conservadores, e á tradição familiar, são afetivas, carinhosas e ciumentas com os filhos. Gosta de rituais, o almoço de domingo, as festas da família. Ensinam aos filhos a importância de expressar o afeto e o carinho, e a força e importância da família e de suas raízes.

A mãe do signo de LeãoA rainha mãe. É assim que se sentem. Impõem-se pelo respeito e capacidade de comando no seio da família, nada acontece sem sua vontade. São amorosas, gostam da arte, do belo, e ensinam aos filhos a confiarem em si mesmos, a saberem se impor e a também gostarem de arte, da beleza, das cerimônias e festas; são generosas, mas não aceitam serem contrariadas.

A mãe do signo de VirgemSão mães trabalhadoras e dedicadas, às vezes, perfeccionistas. Críticas em relação aos homens em geral. Muito preocupadas com a saúde dos filhos e os cuidados com a alimentação, ensinam os filhos a serem observadores e críticos. Exigem mais dedicação e estudo das crianças. Transmitem aos filhos a responsabilidade pelo trabalho, pela higiene e pela saúde. Ensina também o cuidado com o futuro, a necessidade de economizar e gerenciar corretamente os bens materiais.

A mãe do signo de LibraSão mães refinadas e elegantes. São as mães que ensinam aos filhos a beleza da arte, do refinamento, da justiça, do equilíbrio nos relacionamentos. São mães respeitosas e cuidadosas com os filhos. Sempre muito preocupadas com a beleza física, a apresentação e as boas maneiras na mesa e no comportamento. Transmitem aos filhos valores, como justiça, respeito e harmonia.

A mãe do signo de EscorpiãoUm pouco mais controladoras desconfiadas e também possessivas. Estabelecem uma relação psíquica intensa com os filhos, no extremo podem se tornar mães invasivas que tolhem a privacidade dos filhos. Positivamente estimulam e ensinam aos filhos o valor das paixões, da paixão pela vida e pela transformação, pela mudança e pelo desapego. Ensinam a viver com intensidade e a descobrir os segredos da vida, os segredos que se escondem em situações triviais e que dão outro sabor a vida.

A mãe do signo de SagitárioSão as mães que ensinam os filhos a valorizar a aventura, a descobrir o desconhecido. Relacionam-se com os filhos como verdadeiras mestras, professoras, auxiliando nos estudos e na busca da vocação e da evolução espiritual. Transmitem o valor da religiosidade, da alegria pelo conhecimento e pela evolução da alma. Sempre disponíveis para ajudar e ensinar. Transmitem também aos filhos o otimismo e a confiança na vida. São ótimas companheiras de viagem e adoram compartilhar com os filhos suas aventuras e descobertas.

A mãe do signo de CapricórnioExtremamente voltada para sua carreira profissional, esta mãe parece distante e fria, porém mantém com a maternidade uma atitude objetiva e sincera. Extremamente eficiente com mãe provedora, nada falta ao filho. Ensina muito pelo seu exemplo a controlar as emoções, ou a emotividade banal. Ensina a se direcionar e ser objetivo com o que pretende o filho, e se orgulha do sucesso e das conquistas que os filhos vão alcançando em cada passo na vida. É a mãe com quem sempre se pode contar em qualquer situação que parece difícil, ela sempre vai encontrar uma solução e descomplicar tudo.

A mãe do signo de AquárioÉ a mãe de todos. Assim se sente a mãe aquariana, seu filho não é só seu, pode ser compartilhado por outras mães. Como também, todas as crianças da escolinha e dos vizinhos passam também a serem seus filhos. Cuida de todos com a mesma atenção dada aos seus próprios filhos. Dedica-se a ideias nas quais o mundo poderá ser melhor, tem visão de futuro e ensina valores ecológicos, fraternos e de inclusão aos seus filhos. Não admite injustiças e transmite aos filhos a importância da união e da tolerância. Ensina a coexistência pacífica.

A mãe do signo de PeixesSão as mães sonhadoras, românticas e extremamente afetivas. Tudo que acontece com os filhos é motivo de emoção profunda, de alegrias intensas, de choradeira. Às vezes, invertem os papéis e se tornam dependentes dos filhos. Positivamente ensinam aos filhos a observarem suas intuições, a acreditarem nos seus sonhos, ensinam o valor da compaixão e do amor incondicional. Amam e acolhem todos os pequenos animais carentes, e estão sempre disponíveis a acolher e ajudar a quem precisa. Transmitem aos filhos a força do amor incondicional.

Coletânea Editorial
Especial para o Terra

Google Drive. Reconhecimento ao consumidor.




Google Drive é oficialmente lançado com 5GB gratuitos para armazenamento

Serviço oferece até 100GB de espaço pago, integração com outros serviços como Gmail e Docs e até reconhecimento de imagens
24 de Abril de 2012 | 14:02h


Contribuição: Roberto William Matos Montenegro
 http://olhardigital.uol.com.br/produtos/mobilidade/noticias/google-drive-lancado-e-o-que-sugere-blog-frances-da-empresa

Graças a vazamento de informações por blog francês do Google, o lançamento do Google Drive em abril pode não ser mais um rumor
O Google acaba de lançar oficialmente seu novo serviço de armazenamento de arquivos em nuvem, o Google Drive.

Os usuários começarão a utilizar o serviço com os 5GB de espaço para armazenamento de forma gratuita. Também há possibilidade de expansão da capacidade para até 100GB, mas o usuário terá que colocar a mão no bolso e pagar pelo espaço adicional.

Mesmo com integração total com o Docs, também do Google, a empresa caracteriza o novo serviço como a "evolução" da ferramenta de documentos, já que o Drive trabalhará em conjunto com o Docs, na mesma página. No momento, serão lançados aplicativos para PC, Mac e Android. Já os usuários de iOS ainda precisarão esperar.

O Drive também terá integração total com o Gmail, serviço de e-mails do Google. Não será mais preciso enviar os arquivos em anexo, já que o Drive dá a possibilidade de o usuário enviar links através do e-mail.

As ferramentas de busca do serviço também ganharam atenção redobrada. Será possível fazer pesquisas por tipo, dono e até atividade do documento. Haverá reconhecimento de conteúdo usando a tecnologia OCR, que "lê" imagens: por exemplo, se você baixar uma imagem escaneada de um recorte de jornal velho, poderá pesquisá-la usando uma das palavras citadas no artigo.

O Google Drive também terá suporte para mais de 30 tipos de documentos, como vídeos em HD, arquivos do Photoshop e outros. Além disso, também terá 99,9% de uptime, ou seja, garantia de quase todo o tempo em atividade.

Para acessar o Google Drive e começar a utilizar o serviço, basta clicar aqui. Veja abaixo o vídeo de lançamento da ferramenta:

segunda-feira, 23 de abril de 2012

POR QUE NOSSA EVOLUÇÃO TEM DE SER FEITA NO ASTRAL INFERIOR E NÃO NO PLANO ASTRAL SUPERIOR?





POR QUE NOSSA EVOLUÇÃO TEM DE SER FEITA NO ASTRAL INFERIOR E NÃO NO PLANO ASTRAL SUPERIOR?

            Viemos do Plano Astral Superior para um Plano mais denso e imperfeito (Astral Inferior), para que, na interação com as dificuldades inerentes a este nível evolutivo, as nossas imperfeições venham à tona e tenhamos então a possibilidade de lidar com elas, visando a sua melhoria ou eliminação. Isso não pode ocorrer quando estamos desencarnados no Astral superior, pela elevada consciência vigente lá que faz com que não existam os testes e as provas comuns aqui. Lá em cima, pela elevada frequência vibratória do local, são ativados nossos chakras superiores e manifestamos nossas superioridades; aqui, pela baixa frequência vigente, ativam-se nossos chakras inferiores e manifestam-se nossas inferioridades; por isso voltamos para cá: para encontrarmos nossas inferioridades, que lá se ocultam. Mas quando as encontramos, culpamos os pais, a família, a vida, os outros, a sociedade...
            Viemos buscar os resgates e harmonizações com antigos companheiros de viagem, que geralmente vêm na nossa família, ou vamos encontrando durante a vida. Mas para alcançarmos isso, precisamos primeiramente irmos curando nossas inferioridades: orgulho, vaidade, mágoa, raiva, ressentimento, etc.
            Essas noções e tantas outras a respeito da Reencarnação, que têm permanecido limitadas apenas ao campo da religião, principalmente na religião Espírita, precisam agora ser incorporadas pela Psicologia e pela Psiquiatria, a fim de serem melhor entendidos os nossos problemas e conflitos. Também a Medicina, e isso já está ocorrendo, irá entender que não somos apenas esse corpo físico visível, e sim temos outros corpos, sutis, onde iniciam-se verdadeiramente as doenças. A Psiquiatria, um dia, quando entrar no campo do invisível, entenderá o que são essas vozes "imaginárias", o que são as "alucinações", etc., e descobrirá que o que chama de "paranóia", "esquizofrenia", “transtorno bipolar", etc., comumente são emersões de nossas personalidades de outras vidas, geralmente acompanhadas de outras personalidades, intrusas, os chamados obsessores.
            Está chegando um novo Milênio e, com ele, uma nova Psicologia, uma nova Medicina e uma nova Psiquiatria. E os médicos, os psicólogos, os psiquiatras e os psicoterapeutas em geral, que acreditam nos princípios reencarnacionistas, não podem mais lidar apenas com o nosso corpo visível e as doenças físicas, e com essa passagem terrestre, chamando-se, equivocadamente, de "a vida". É preciso coerência; quem acredita em Reencarnação deve vivenciá-la no seu dia-a-dia e não apenas quando está em seu Centro Espírita ou lendo seus livros em casa. Assim caminha a Humanidade, a passos lentos, mas sempre adiante. Então, vamos em frente!
            Reencarnamos para tentarmos melhorar uma tendência de manifestarmos pensamentos e sentimentos ainda inferiores (Personalidade Congênita), passando por situações que os fazem aflorar e transparecer (gatilhos), com o objetivo evolutivo de os enfrentarmos e vencermos (a Missão). Então, aqui estamos, novamente, e repetidas vezes, para encontrarmos nossas características negativas e modificá-las positivamente. Estamos propondo que, em vez de nos vitimizarmos e criarmos toda uma problemática psicopatogênica em relação à infância, baseada na mágoa, na tristeza, na rejeição, na raiva, etc., passemos a encarar de modo diferente essas situações e até, quem sabe, agradeçamos ao nosso destino por tê-las colocado em nosso caminho, pois assim saberemos o que viemos curar em nós (a Reforma Íntima).
            Por que alguém precisou vir filho daquela mãe? O que houve entre eles em encarnações passadas? O filho pode ter sido seu marido, seu patrão, seu carrasco... Deus nunca erra o alvo.
            Reencarnamos para encontrar nossas imperfeições, mas quando as encontramos por vezes não gostamos das pessoas e/ou situações que as fazem aflorar. E aí sentimos raiva ou mágoa daquela pessoa, mas, na verdade, nós estamos exteriorizando nossa raiva e mágoa congênitas, que nasceram conosco, o que é diferente de pensar que a raiva e a mágoa surgiram na infância. Exemplificando: uma pessoa refere um forte sentimento de rejeição e mágoa por ter-se sentido abandonada e não querida durante a infância. Acredita que a causa disso foi o fato de seu pai não ter assumido a paternidade e abandonado a família. Ela revela, desde criança, uma postura perante a vida calçada nesses sentimentos e durante sua vida frequentemente sente-se triste, magoada, e com a sensação e o medo de ser rejeitada. No entanto, inúmeras outras pessoas, que quando crianças passaram por situações semelhantes, não referem esses pensamentos e sentimentos ou, pelo menos, não em nível tão profundo. Por quê? Claro que fatores atenuantes como atenções e orientações dos demais familiares, atendimento psicológico precoce, etc., ajudam a que isso não ocorra de modo grave. Mas a explicação para o fato daquela pessoa ter demonstrado enormes sentimentos de abandono e rejeição, ou seja, ter sentido aquela situação de um modo tão intenso e outras pessoas que passaram por situação semelhante não terem sentido tanto assim, é que ela já trazia essa tendência consigo, a tendência de sentir desse modo, de situações semelhantes vivenciadas em encarnações anteriores, o que nessa encarnação sofreu mais um reforço, pela atitude paterna.
            E por que sua Alma necessitou passar por essa situação nessa encarnação? Muitas vezes, nós temos contato com nossos futuros pais antes mesmo de iniciarmos nossa materialização intra-uterina, e então podemos conversar com essa pessoa sobre isso nas conversas de Psicoterapia Reencarnacionista. Por que ela, que traz abandono e rejeição para curar, oriundas de encarnações passadas, necessita passar por uma nova vivência encarnatória semelhante? Se lembrarmos que descemos do Astral Superior para encontrarmos nossas inferioridades, ela pode ter necessitado dessa experiência para que esses antigos sentimentos aflorassem e pudesse então entrar em contato com eles, possibilitando-se trabalhá-los e curá-los. Se alguém traz mágoa e sensação de abandono para curar em seu Espírito, necessitará de pessoas ou situações que façam isso aflorar. E a Lei do Retorno? Quem sabe ela abandonou esse Espírito que é seu pai atualmente em alguma vida passada, e então ela não é uma vitima e, sim, coadjuvante de todo esse processo? Nas regressões algumas vezes o abandonado e rejeitado hoje e em vidas passadas vê-se como um abandonador e rejeitador em vidas ainda mais passadas...
            Nossa Alma colabora na criação de nossas experiências terrenas por uma necessidade de crescimento, que implica em eliminar esses seculares ou milenares sentimentos e pensamentos negativos, ou seja, reencarnamos para isso, para essa "limpeza", e então devemos fazê-la, e não manter, ou até agravar esses sentimentos. Isso é o que significa dizermos que nós pedimos isso... Não fomos nós, nossos Egos, foi nossa Alma, em conjunto com a Grande Alma (Deus). Mas se acharmos que tudo começou na infância, que somos uma vítima, que nosso pai -ou nossa mãe- é o vilão, vamos passar anos e anos em terapia falando sobre isso, até que um dia nosso corpo físico morre, subimos para o Astral Superior, encontramos nosso Mentor Espiritual, que senta conosco em um banco naquele lindo jardim, abre um telão e nos diz: vamos examinar algumas de suas vidas passadas?



POR     MAURO KWITKO

domingo, 22 de abril de 2012

Quem se Importa!? Eu me Importo e você?

Brasília em diversos ângulos.

Compartilhando fotos de Brasília de
Astrinho Lima



Astrinho Lima




Museu de Brasília Astrinho Lima

Dia 22 de abril é o Dia Nacional do Arteterapeuta

Dia Nacional do Arteterapeuta
http://acatarteterapia.blogspot.com.br/2012/04/dia-nacional-do-arteterapeuta.html?spref=fb
Você sabia que dia 22 de abril é o Dia Nacional do Arteterapeuta?
Durante o VII Fórum de Arteterapia realizado na cidade de Niterói, no dia 21.04.2007, ficou estabelecido que no dia 22 de abril de cada ano será comemorado o Dia Nacional do Arteterapeuta.
E por que 22 de abril?
Porque é a data de fundação da UBAAT: 
União Brasileira das Associações de Arteterapia.
Essa data simboliza todos os esforços, de cada um de nós, com fins ao reconhecimento do profissional arteterapeuta, não só perante nossa comunidade, mas também àqueles profissionais das várias áreas com as quais nos relacionamos.
A definição de uma data como esta é um marco, no sentido de prestarmos atenção ao nosso papel como agentes de transformação e pela conquista
de um espaço construído com muito trabalho, dedicação e amor.
(Disponível em: http://www.aatesp.com.br/material/VOCE_SABIA_Dia%20Nacional%20do%20Arteterapeuta.pdf)


Parabéns Arteterapeutas! 
Que a criatividade seja o impulso para a continuação desse belíssimo trabalho, tendo em vista a saúde e a qualidade de vida do ser humano e do mundo!
São os desejos da ACAT



sábado, 21 de abril de 2012

PARABÉNS BRASÍLIA

CAPITAL DA ESPERANÇA (Lembrando que a Esperança é a última que morre)

BRASÍLIA MULHER, pintura de Sandra Boeschenstein.
Uma Homenagem a Brasília simbolizando a Mulher que alimenta com Leite e Mel os seus filhos, indignos ou não todos são acolhidos nos contornos e retornos, nas curvas e nas retas, nos monumentos e nos barracos...Somos Todos Representantes de uma Nação.
Pintura de Sandra Boeschenstein






Criada no Cerrado em Homenagem a Brasília, pintura de Sandra Boechenstein

A CAPITAL DO SAGRADO

BRASÍLIA UMA OBRA DE ARTE ESCULPIDA NO CERRADO.

Declaração de Amor a Brasília.



postado por Sandra UGA em 27/02/2012 

Brasília Mulher, pintura de Sandra UGA primeniro quadro de 2012.

Para quem vive em Brasília há bastante tempo é natural ver essa cidade, conviver com toda essa beleza revelada na arquitetura ultramoderna que recorta o céu azul se envolvendo no quase agreste clima de deserto, seco e quente por fora mais irreverente, exuberante e extremamente imponente, na força, na garra enraizada de uma cidade que se revelou, rebelou e hoje enaltece em formosura.
Ninguém mais pode negar que Brasília conseguiu e se transformou em tempo recorde na capital mais moderna do mundo, além de abraçar toda uma nação, abrigando cidadãos de todas as partes do mundo ela conquista do mais simples e humilde ao mais importante cidadão que um País pode ter.
Ninguém pode negar que existem muitos problemas há resolver, muitas questões mal resolvidas se arrastam pelos anos e vão se acumulando e aumentando, mas nada que possa tirar o brilho e o mistério na diversidade cultural e eclética, revelando no ar o lado oculto, culto, magistral, artístico, cômico e deslumbrantemente monumental, com suas linhas, vias, tesourinhas, retornos, retas e espaços largos, lagos, Paranoá.
Brasília é o retrato da vanguarda, da contemporaneidade, e mesmo com todos os contratempos ela não deixa por menos sacode a poeira ainda vermelha e dá a volta por cima, mostrando ao mundo seu valor.
Viva Brasília no seu esplendor é musa, de menina se fez mulher, madura, centrada em seus eixos abra suas asas e mostra para todos que te amam, a sua cor, e sorria para os descrentes e descontentes, descubra em cima da Torre Digital que o sonho se realizou, temos apenas que vivencia-lo.



Pintura em acrílico representando a figura feminina que jorra de seu seio Leite e Mel.

Foto de Sandra UGA
Foto tirada no Flamingo/Colorado
Torre Digital vista no quintal de casa.



Um detalhe simplesmente Divino no horizonte de Brasília.

Na Base do Exercíto perto da Torre Digital. Passei na hora certa.

Pôr do Sol em Brasília. Foto de Sandra UGA


Pintura de Sandra Boeschenstein em homenagem ao Cerrado e o Sol de Brasília.

Torre Digital
Brasília de um sonho.

De um sonho nasceu
De um traço seguiram suas linhas
De menina tornou-se mulher de seus
seios jorra Leite e Mel.
Brasília, mulher sensual,
suas formas, seus contornos,
retornos,
vias,
asas,
Brasília pássaro mulher
Abra suas asas e acalenta em seu ventre,
a dor dos descontentes
que não sabem sonhar.

Brasília, Brilha
Tua luz é tão intensa
Quanto a Lira.
Brasília tu és minha também,
Bem-te-vi nascer
Crescemos juntas
Enquanto eu envelheço, você amadurece.
Um dia partirei e das cinzas surgirá um belo jardim
Com todos os tipos de flores e cores, do seu jeito de ser.
Sorria Brasília.
Brilhe Brasília.
Revele seus segredos em cima
da Torre Digital.
Vejo-te mulher nascida de um sonho
Sonho Azul
            Verde
                   Violeta
LUZ, VIDA
Sonho dourado, dos jovens apaixonados.
Dos Ilusionistas, Malabaristas e dos Santos visionários.
Tu és um SONHO DE AMOR.
Sandra Boeschenstein

sexta-feira, 20 de abril de 2012

Dia da Terra por um planeta mais sustentável

Dia da Terra por um planeta mais sustentável




22 de abril é o Dia da Terra. Saiba mais detalhes sobre a data

No próximo domingo, dia 22, será comemorado pela 42ª vez o Dia da T
erra. A data foi criada em 1970 pelo senador e ativista ambiental americano Gaylord Nelson.
Após uma série de desastres e tendências ocorridas na década de 50, nos Estados Unidos, cientistas começaram a dar mais atenção à maneira como a rápida industrialização estava afetando o meio ambiente. Com o propósito de abrir discussões sobre a preocupação com a fome em massa, o grande crescimento populacional, a poluição do ar e da água e a preservação dos recursos naturais do planeta, surgiu o movimento ambientalista.
A primeira manifestação aconteceu no dia 22 de abril de 1970, com a iniciativa do senador Gaylord Nelson e a participação de milhares de pessoas, principalmente estudantes de segundo grau e universitários. O foco do movimento era a criação de uma agenda ambiental e, felizmente, a pressão dos manifestantes atingiu seu objetivo quando o governo dos EUA criou a Agência de Proteção Ambiental (Environmental Protection Agency).
Antes apenas comemorado nos Estados Unidos, o Dia da Terra ganhou cunho internacional só no início dos anos 90, quando mobilizou cerca de 220 milhões de pessoas em 141 países.
Este ano, a data traz a campanha “Mobilizar a Terra” que pretende reunir vozes do mundo inteiro em protesto aos governos que não estão fazendo sua parte na preservação do planeta por um futuro mais sustentável. As comemorações de 2012 pretendem reunir cerca de 22 mil parceiros em 192 países por maiores recursos para energias limpas.
Há outras campanhas, como a “Renewable Energy for All”, que pede apoio para aproveitamento de energias renováveis e soluções no evento Rio+20, que também vão aproveitar a data para divulgar suas propostas.
O Dia da Terra não pertence a nenhum órgão ou entidade. Trata-se de uma festa que pode e deve ser comemorada livremente por qualquer um em qualquer. Além disso, tornou-se um importante acontecimento educativo e informativo para a avaliação de problemas e soluções relacionadas ao meio ambiente.
Veja também:
-Hora do Planeta será vista do espaço

quinta-feira, 19 de abril de 2012

HOJE É DIA DE ÍNDIO E DE SANTO EXPEDITO.



Oração de Sandra Uga para Santo Expedito
Postado na União Global de Atitudes em 19 de março de 2012

Santo Expedito, Santo das causas urgentes recorro a ti, porque se faz urgentíssima sua intervenção em nossas vidas, o mal se alastra como praga, a violência se tornou banal, as drogas licitas e ilícitas são consumidas indiscriminadamente por crianças e adolescentes, o desamor derramou seu fel nos corações das pessoas. A Ignorância se estabelece firme com suas garras ferindo no mais profundo a dignidade de ser Humano. É vergonhosa a desumanidade com a natureza e os animais, ainda estamos vivendo os tempos dos bárbaros, das invasões, guerras, sequestros e todos os tipos de permissividades, pedofilia, promiscuidade é tanta tristeza que nem dá para relacionar.
Desta feita, peço Santo Expedito, cuide de nós, traga a verdadeira Paz e Alegria para nossas vidas, permita que o medo se afunde no mais profundo dos oceanos e que a Felicidade preencha o vazio de todos que se sentem desamparados e mal amados. Que a Autoestima seja sempre Elevada e não exista mais complexos, depressão, doenças que ninguém precise usar Drogas, Quem se ama não se droga.  Que o Mundo Melhore cada vez mais, que as oportunidades surjam trazendo esperança e dias melhores para todo cidadão que se esforça e quer sobreviver dignamente. Que a Matéria seja Espiritualizada, ou melhor, que o Espírito viva integralmente neste plano material. Que o Sagrado seja vivenciado plenamente por todas as pessoas com naturalidade elevando e respeitando com Amor todos os Seres de Deus. E um pedido especial para as Florestas e todos que vivem nela, sejam respeitados e preservados, para que a vida neste Planeta seja possível para às futuras gerações.
Sandra UGA
  


Contribuição de Maurice Jacoel via #florestafazadiferenca


Contribuição Reserva ChakraGrisu
Na data em que se comemora do Dia dos Povos Indígenas, o Conselho Indigenista Missionário – Cimi, Regional Norte I (AM/RR) vem a público manifestar sua indignação diante da omissão e do descaso do Estado brasileiro para com os povos indígenas. No Vale do Javari, os indígenas estão morrendo em decorrência de doenças para as quais o Governo Federal não presta a assistência devida promovendo a prevenção e dotando as comunidades da estrutura necessária para atendimento, controle e prevenção de doenças.



Há quase três décadas os indígenas sofrem e morrem por causa de doenças como malária e hepatites, de vários tipos, além da tuberculose e outras que poderiam ser evitadas com soluções mais fáceis, como as verminoses que afetam as crianças. A população já decresceu 8% nos últimos dez anos.



De um modo geral, a assistência à saúde dos povos indígenas, de atribuição da Secretaria Especial de Saúde Indígena (Sesai), encontra-se em estado precário em todas as regiões. No Amazonas, isso se torna ainda mais grave devido às dificuldades para alcançar as aldeias mais distantes. Em situação igualmente precária encontra-se a educação. Na maioria das comunidades falta escola, materiais didáticos, professores qualificados. A educação das crianças e jovens é desenvolvida apenas pela boa vontade dos professores, alunos e demais lideranças.



Causa indignação a falta de sensibilidade do Governo Federal para com os povos que habitam as terras afetadas pela construção de grandes projetos, como as hidrelétricas de Belo Monte e o complexo Hidrelétrico do Rio Madeira. Nos últimos anos, o povo brasileiro tem testemunhado o fracasso da realização de grandes obras que, de concreto, tem servido para drenar recursos públicos alimentar a corrupção em nosso país. Exemplo disso são estradas, hidrelétricas – como a de Balbina -, e a transposição do rio São Francisco.



Além do Executivo, os povos indígenas sofrem prejuízos por ação do Legislativo e do Judiciário. Na Câmara e no Senado, os grupos anti-indígenas ganharam força nos últimos anos como consequência das articulações políticas que transformaram o parlamento em balcão de negócios e a questão indígena em moeda de troca, especialmente em razão do interesse de grupos econômicos em se apoderar dos territórios indígenas.



Merece repúdio, ainda, a morosidade do Poder Judiciário na solução de conflitos envolvendo o direito dos povos indígenas aos seus territórios tradicionais. Uma das razões pelo recrudescimento da violência e o avanço das forças anti-indígenas tem sido a impunidade e a sensação de que o Judiciário usa dois pesos e duas medidas em benefícios de latifundiários, grileiros e grandes empresas de agronegócios.



Nesta oportunidade, o Cimi Norte I conclama todos os demais segmentos sociais a abraçar de forma solidária a causa indígena para evitar que seus direitos sejam usurpados, abrindo-se, assim, as portas para que outros setores tornem-se presa fácil do grande capital.



Manaus (AM), 18 de abril de 2012.



Cimi Norte I – AM/RR
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...